“Uma hora ou outra o destino se ajeita, as coisas se acertam, o passado é esquecido, as dores cicatrizam. Quem tem que ficar fica, o que é verdadeiro permanece, e o que não é some. Não tenha pressa, não guarde mágoas, não queira pouco… Sempre queira o melhor. Espere na sua. Aprenda a ser paciente. Aprenda a ouvir uma boa música quando a tristeza bater. Aprenda a ignorar o que te faz mal. Aprenda, sobretudo, a ter fé. Fé de que, por mais difícil que seja, o universo sempre irá conspirar a seu favor.”
Autor Desconhecido. 
“Cara, eu só queria te ver mostrando que precisa de mim, vez que outra. Que me amasse com ênfase nas vezes que não mereci ser amada. Porque, entre me sentir inútil só pra você e me sentir inútil pro resto do mundo, optei pela diversidade. Ok, não vou mentir, tenho sentimentos de estimação por você. Mas estou deixando de alimentá-los. Um dia eles morrem.”
Gabito Nunes. 
“Quer saber? Que se foda. Quer ficar sem mim? Então fica. Tô cansada de estapear sua cara com todas as respostas possíveis pro seu “por que eu deveria ficar contigo?” Você deveria ficar comigo porque fui eu que estive com você quando você ralou o joelho no portão da tua casa. E mesmo que fosse birra de criança eu tratei aquilo como se fosse uma puta fratura exposta, porque te ver com dor me fazia sentir uma dor maior ainda aqui dentro de mim. Você deveria ficar comigo porque quando dava temporal era pra mim que você ligava dizendo que tava com medo e que queria me ter por perto. Você deveria ficar comigo porque na mesma hora eu pegava o carro e saia naquela chuva desgramada pra ficar realmente perto de você. Você deveria ficar comigo porque quando você não tava a fim de estudar a trouxa aqui estava sempre pronta pra fazer teus trabalhos de escola e aquelas equações mais fáceis que sentar num vaso e defecar, mas nem elas você sabia resolver. Você deveria ficar comigo porque eu fui capaz de fazer tudo isso e teria sido capaz de ter feito muito mais. Mas você não quis. Você preferiu gostar de alguém que não dá a mínima pros teus ralados, pro teu medo escroto de temporal e que não sabe fazer nem as próprias tarefas da escola, porque é 3x mais burra que você. Só não é mais burra que eu. Porque ela sabe que, de uma hora pra outra, você vai enjoar dela como enjoou de mim. Aí vai dizer que é porque precisa ficar um tempo sozinho, mas dois dias depois já tá com a mão grudada na bunda de uma loira peituda. Ela não é mais burra que eu porque tem um estepe, porque quando te conheceu viu que você já era um pneu furado e que não dava pra consertar e já deixou um reserva pra quando precisasse. Você deveria ficar comigo porque ela pode não ser mais burra do que eu, mas nunca vai conseguir ser metade do que eu fui pra você e você cego não notou.”
Agora é tarde — Analu
“Será que alguém ja colocou uma foto minha como papel de parede? Será que alguém já foi a um lugar só por minha causa? Será que alguém esconde ciúmes por mim? Será que alguém já se distraiu no meio do dia para ficar lembrando do meu sorriso ou algo do tipo? será que alguém abre minha janela do msn e fica sem coragem de falar comigo? será que alguém pensa em mim sempre que vê um filme romântico? será que alguém esta lendo isso e respondendo ”eu” para cada pergunta? Será?”
Tati Bernardi.  
“É nessas horas que eu chego a ter pena de mim. Juro. Basta um papel e uma caneta pra tudo começar outra vez. Você vem repentino, devagar e sorrateiro, até estar impregnado novamente nas minhas memórias. Não me julgo uma pessoa plenamente boa, mas sei que não mereço isso. Não é justo. Foi-se o tempo em que eu abrigava a dor na minha casa como uma convidada especial. Confesso que já sofri tudo o que tinha pra sofrer, assim como derramei todas as lágrimas que podia chorar. Toda e qualquer pequena e frágil parte do meu corpo sentiu, pelo menos uma vez, o mundo se esmagar contra a parede da solidão. Não quero tirar a sua dignidade ou menosprezar a parte da minha vida que compartilhei ao seu lado – jamais! O problema é que eu cansei de me rebaixar e matar o meu amor próprio por você. Nenhum ser humano deveria sofrer como eu sofri. E, meu Deus, como foi difícil! Aceitar é horrível, esquecer é doloroso e superar machuca mais que tudo. Pra falar a verdade, a última etapa eu nunca cumpri. Meus vizinhos acham que estou curada, meus amigos pensam que pulei de fase, mas quando a noite chega e tudo parece doer ainda mais, tomando uma proporção ainda maior, eu percebo que não superei. Queria fingir que não é nada, logo passa, as coisas voltarão a ser o que sempre foram, mas não dá. Eu não sou mais a mesma há tempos e disso não tem como fugir. O passado não condena, mas assombra. Você que, por mais que tenha morrido incontáveis vezes aqui dentro, ainda está vivo e arrancando brilhos de olhares carentes aí fora. Eu já te matei com todas as armas possíveis, de todos os métodos imagináveis, mas você cisma em reviver todas as vezes que a minha cabeça deita no travesseiro e as minhas mãos alcançam um papel em branco. E por mais que eu lute, estrofes e mais estrofes são, inevitavelmente, direcionadas ao que fomos. A verdade é dura, meio difícil de aceitar e ridícula de dizer: ainda tenho mil textos não escritos pra você.”
Capitule   
“Falta um bocado de coisa neste mundo. E sobra outro tanto. Falta bom senso. Falta verdade. Falta respeito. Falta vontade. Falta educação. Falta saúde. Falta amor. Falta sinceridade. Falta igualdade. Falta paixão pelas coisas e pelas pessoas. Sobra egoísmo. Sobra estupidez. Sobra crueldade. Sobra desonestidade. Sobra preguiça. Sobra falta de caráter. Sobra achar que o mundo inteiro tem culpa das suas pequenas derrotas. Ainda dá tempo de mudar. E as mudanças, ainda que pareçam invisíveis num primeiro momento, começam dentro da gente. Sim, é clichê, banal, frase feita e o escambau: mas tudo começa aqui dentro, aí dentro. Uma hora a gente tem que fazer acontecer, senão a vida passa e acontece sozinha, sem o personagem principal, que é você.”
Clarissa Corrêa.  
“Sentou-se em um banco na frente do parquinho e escutou os gritos das crianças. Queria poder brincar no escorregador e no balanço, em vez de só ficar observando. Por que as pessoas tinham que crescer? Queria ser irresponsável, queria receber cuidados, ter alguém para dizer que ela não precisava se preocupar com nada, porque outra pessoa cuidaria de tudo. A vida seria muito fácil sem os problemas de gente grande com os quais se preocupar.”
P.S. Eu te amo.